19 de setembro de 2019
Estado do Paraná terá taxas de juros diferenciadas para empresárias

O Programa Banco da Mulher Paranaense será apresentado, oficialmente, na terça-feira (24), pelo governador do Estado, Carlos Massa Ratinho Junior, no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Trata-se de um novo programa desenvolvido pela Fomento Paraná, que oferecerá financiamentos com taxas de juros diferenciadas para apoiar pequenos negócios que tenham a participação de mulheres como proprietárias ou sócias. O objetivo é estimular o empreendedorismo feminino e promover a geração de emprego, renda e qualidade de vida.

  A principal característica do novo programa é a possibilidade de que os empreendimentos que tenham a participação de mulheres como proprietárias ou sócias obtenham um subsídio de 7 pontos percentuais ao ano na taxa de juros, o qual estará refletido como desconto no pagamento dos boletos em dia. Ou seja, os boletos pagos em atraso não terão benefício.

O programa Banco da Mulher Paranaense envolve as linhas de microcrédito, para operações de até R$ 10 mil para pessoa física e até R$ 20 mil para pessoa jurídica (MEI, EI, EIRELI), e também linhas entre R$ 20 mil e R$ 500 mil.

Melhores informações poderão ser obtidas na Acimam, que é Correspondente Fomento Paraná.